O desenvolvimento dos membros é ponto fundamental do avanço técnico e pessoal dentro de uma empresa.

sobre a crise

Capacitação é oferecer insumos para a qualificação dos membros de uma empresa, tornar alguém, como o próprio nome diz, mais capaz para realizar uma determinada função, além de tentar ao máximo motivar a pessoa envolvida a fazer melhor seu trabalho.

O conceito é relativamente simples, no entanto, trazer boas qualificações e, mais ainda, fazer elas serem efetivas, pode ser uma tarefa complicada. Dentro do contexto das empresas juniores, esse tipo de melhoria se mostra ainda mais importante já que objetivo delas é funcionar como um treinamento para o mercado de trabalho. Sendo assim, o conhecimento adquirido pode ser visto como uma espécie de recompensa.

 

Entendendo a necessidade dos membros

O primeiro passo antes de procurar soluções de capacitação é garantir que os cargos mais altos, responsáveis pela implementação desses métodos, tenham noção clara de quais são as dores de seus membros. Isso evita que se gaste tempo e dinheiro com programas que não atendam às necessidades da empresa.

Para isso, a comunicação é de suma importância. Perguntar diretamente aos membros de cada área quais são as necessidades deles, definindo de forma estruturada um processo de reconhecimento e feedback sobre essas necessidades é o ideal. O planejamento desse processo pode ser feito dentro de um Plano de Negócios desenhado para a empresa.

Na maioria dos casos, não é viável que todos os membros que necessitam de treinamento tenham acesso a ele, sendo assim, a passagem de conhecimento entre os membros da empresa também deve ser organizada da melhor forma possível para garantir que o investimento em conhecimento não se perca dentro da organização.

 

Meios

As formas mais comuns de promover capacitação são cursos ou workshops, promovidos pela própria empresa ou adquiridos de empresas especializadas.

Após o mapeamento das necessidades específicas dos membros, é preciso fazer uma pesquisa para determinar o treinamento ou curso que melhor se encaixa para o negócio. No contexto atual, a internet abre portas para novas formas de conhecimento úteis ao desenvolvimento de cursos dentro da própria empresa.

Além disso, existe uma gama de empresas especializadas na capacitação de membros que oferecem os mais diversos tipos de serviços educacionais, de maneira flexível. Normalmente os cursos incluem material de estudo, que, se autorizado, também serve como uma nova fonte de aperfeiçoamento.

Até mesmo pequenas coisas como possuir uma biblioteca pública na sede facilitam o acesso a informação que às vezes nem se sabia ser necessária. Nesse sentido, outras práticas de gestão de pessoas também colaboram para fortalecer uma cultura de aperfeiçoamento constante.

 

Mas qual é o objetivo?

A ideia não é só trazer conhecimento a um membro específico, mas valorizar a presença de cada participante da empresa como indivíduo protagonista e capaz de fazer a diferença em seu ambiente.

Não é preciso que um membro saiba todos os detalhes técnicos sobre algo, mas que ele possa desenvolver novos conhecimentos e consiga passá-los a seus companheiros de trabalho, criando um ambiente de cooperação e conservando a expertise adquirida mesmo depois que aqueles que tiveram contato direto com a informação não estiverem mais lá.

Feita de forma personalizada e efetiva, a capacitação traz um sentimento de reconhecimento para os membros, além da evolução pessoal de cada um e o avanço teórico da empresa.

Gostou do texto? Para ler mais conteúdos da Econsult, acesse o nosso blog.